Consent Preferences

Contabilidade, Consultoria de Gestão, Candidaturas SIFIDE, PRR, PT2030, IFR - Paço de Arcos, Oeiras, Lisboa

Criação de novas empresas cai em abril

A criação de novas empresas registou uma queda em abril, essa queda é a primeira desde outubro de 2021, comparativamente com o período homólogo anterior.

A queda de criação de novas empresas foi sentida principalmente no Norte, com menos 322 empresas criadas, aproximadamente 70% do total.

Nos primeiros 4 meses do ano 2022, foram criadas 17.282 novas empresas, o que perfaz um crescimento de 21% relativamente ao mesmo período de 2021.

Entre janeiro e abril a generalidade dos setores registou uma subida quanto à criação de empresas comparando ao ano transato.

O destaque recai sobre os Serviços Gerais (com mais 673 empresas constituídas), Transportes (com mais 564 constituições), Alojamento e Restauração (mais 515 constituições), Serviços Empresariais (mais 513 constituições) e Atividades Imobiliárias (mais 409 constituições).

Por sua vez, o setor do Retalho foi o único que registou uma descida, com menos 17% de novas empresas criadas. Dentro deste setor foram especialmente impactados os subsetores de Retalho de Têxtil e Moda, Alimentar e Outros e Generalista.

Relativamente a encerramentos e insolvências, durante os primeiros quatro meses de 2022 foram encerradas 4.130 empresas, o que representa menos 0,6% do que em 2021. Nesse mesmo período 550 empresas começaram um processo de insolvência, o que equivale a uma descida de 26% face ao mesmo período do ano passado.

siga a reward consulting em google newssiga a reward consulting em google news

Notícias Relacionadas