Consent Preferences

OE2023: Bolsas de doutoramento para cientistas abrangem empresas

Uma das propostas do Orçamento do Estado para 2023 (OE2023) para a ciência visa recuperar a atribuição de bolsas de doutoramento para cientistas que exerçam as suas funções em empresas.

 

Este apoio deixou de ser concedido em 2016 e, segundo a nota explicativa da proposta do OE2023, serão atribuídas 2.885 novas bolsas de doutoramento (650 em empresas) que serão financiadas pela Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT), que em 2016 deixou de abrir concursos para bolsas a empresas.

 

As bolsas em questão, com a duração de 4 anos, conferem o grau académico de doutor a um investigador que execute o seu trabalho científico num laboratório ou universidade.

 

O orçamento previsto para FCT no próximo ano (2023) integra 293 mil euros adicionais para bolsas de doutoramento. A FCT é a principal entidade que subsidia a investigação científica em território nacional.

 

A proposta do OE2023 que visa as bolsas de doutoramento para cientistas em empresas foi aprovada em outubro de 2022. A sua votação final (após as apreciações na especialidade) será a 25 de novembro.

 

Nas metas inscritas do OE2023 para a ciência é visada a melhoria da capacidade de formação avançada, face à atribuição de bolsas de doutoramento cujo plano de atividades de investigação se desenvolva em ambiente não académico, seja empresarial, administração pública ou setor social.

 

Com o alargamento do âmbito das bolsas de doutoramento para cientistas o Governo pretende uma melhor integração de doutorados em contextos não académicos, favorecendo a translação de conhecimento para a sociedade e colocando Portugal em linha com as orientações da Comissão Europeia definidas até 2017.

siga a reward consulting em google newssiga a reward consulting em google news

Alguma questão? Fale connosco

A nossa equipa de contabilistas e RH pode esclarecer as suas dúvidas e/ou questões, contacte os nossos serviços no formulário abaixo.

Notícias Relacionadas