Consent Preferences

Contabilidade, Consultoria de Gestão, Candidaturas SIFIDE, PRR, PT2030, IFR - Paço de Arcos, Oeiras, Lisboa

Gastos em I&D na UE a aumentar desde 2010

Dezembro 6, 2021

Em 2020 os Estados-membro da UE tiveram aproximadamente 311 mil milhões de euros com gastos em I&D, o que equivale a 2,3% do PIB europeu (segundo dados do Eurostat).

Embora esse valor seja menor do que o valor gasto em 2019 (312 mil milhões de euros), representa um peso em relação ao PIB maior do que no ano transato (2,2% do PIB). Esta situação explica-se com a diminuição do Produto Interno Bruto da UE, resultado do cenário pandémico causado pelo vírus COVID-19.

Quando comparado aos valores de 2010, os recursos investidos em I&D têm vindo a aumentar bastante. Em 2010 a despesa relacionada com investigação e desenvolvimento rondava apenas 2% do PIB europeu.

Portugal aparece a meio da tabela, com um valor de 3,2 mil milhões de euros gastos em I&D, o que equivale a 1,58% do PIB.

A Bélgica está no topo dos Estados-membro que mais gastam em I&D com 15,8 mil milhões de euros (3,52% do PIB), seguida pela Suécia (16,7 mil milhões, ou 3,51% do PIB) e Áustria (12,1 mil milhões de euros, 3,22% do PIB) e no fim da tabela está a Roménia com 1,03 mil milhões (ou 0,47% do PIB).

 

Mais sobre I&D – Investigação e Desenvolvimento

siga a reward consulting em google newssiga a reward consulting em google news

Notícias Relacionadas